Plan International Brasil 11 4420.8084

EDUCADORES DO MARANHÃO DEBATEM A IMPORTÂNCIA DA IGUALDADE DE GÊNERO NA ESCOLA

Tempo de leitura: 2 minutos

EDUCADORES DO MARANHÃO DEBATEM A IMPORTÂNCIA DA IGUALDADE DE GÊNERO NA ESCOLA

Evento realizado pelo Programa Adolescente Saudável (PAS) esclarece conceito de gênero e chama a atenção para sua inclusão no currículo escolar

O Programa Adolescente Saudável (PAS), uma iniciativa global da AstraZeneca destinada a promover a melhoria na qualidade de vida dos adolescentes por meio do conhecimento e da informação e executada pela Plan International Brasil, realiza nos próximos dias 26 e 28/08, em São Luís e Codó, respectivamente, o seminário “Gênero, afinal o que é isso?”. O evento pretende abordar o tema com educadores das redes municipais e estadual do Maranhão e promover o melhor entendimento e como o assunto pode ser levado para a sala de aula. Em São Luís o seminário acontece no auditório Alberto Abdala, localizado na Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA). Já em Codó, o auditório da Universidade Federal do Maranhão receberá a iniciativa. A iniciativa é gratuita e as vagas são limitadas.

Estarão presentes adolescentes participantes do Programa, representantes das secretarias municipais e estadual de Educação e da sociedade civil que levarão conhecimento sobre a relação entre gênero, diversidade e educação, como Viviana Santiago, especialista em Gênero da Plan International Brasil, uma das palestrantes do evento. “Queremos que não haja mais discriminação de gênero, racial ou de orientação sexual. Que a escola seja um espaço seguro para todos”, afirma.

Na última semana a Plan International Brasil divulgou uma nota pública sobre a necessidade de garantir a discussão sobre igualdade de gênero nos Planos Municipais e Estaduais de Educação. Entre os destaques da nota está a realidade vivida por meninas, mulheres e pela população LGBTI no Brasil.

“Uma discussão ampla sobre igualdade de gênero em todos os espaços sociais, inclusive nas escolas, é fundamental para a construção de uma sociedade onde as meninas tenham os mesmos direitos e oportunidades que os meninos, onde ninguém seja discriminado por sua orientação sexual e na qual meninos e homens não se considerem sujeitos dominantes (…) a escola tem um papel importante na formação dos cidadãos e cidadãs e deve ser um lugar de vivência da pluralidade e diversidade, um espaço que possibilita o diálogo, a reflexão e a transformação social. É importante que, desde cedo, meninos e meninas possam vivenciar relações baseadas nos valores democráticos de liberdade, igualdade, respeito, tolerância e valorização da diversidade. A escola, como espaço de socialização e de aprendizagem, não pode eliminar o debate sobre a superação das desigualdades”.

AS INSCRIÇÕES SÃO GRATUITAS!

São Luís: 26 de agosto de 2015, das 13h às 17h
Onde: Avenida Jerônimo de Albuquerque s/n – Cohafuma – Auditório Alberto Abdala (FIEMA)
Faça aqui sua inscrição e saiba mais sobre o evento aqui.

Codó: 28 de agosto de 2015, das 8h às 12h
Onde: Rua Antônio José Figueiredo, 2008 – São Benedito – Auditório da UFMA
Faça aqui sua inscrição e saiba mais sobre o evento aqui.