Plan International Brasil 11 4420.8084

EM DOIS ANOS, PROJETO PRETENDE REALIZAR A FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE 1200 JOVENS DA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR

Tempo de leitura: 2 minutos

EM DOIS ANOS, PROJETO PRETENDE REALIZAR A FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE 1200 JOVENS DA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR

Projeto “Pontes para o Futuro” da Plan International Brasil contará com parceria de empresas, governo e instituições de ensino

Na próxima quarta-feira (07/10), a Plan International Brasil, organização humanitária internacional pelos direitos da criança e do adolescente, e o Instituto Internacional para o Desenvolvimento da Cidadania (IIDAC) lançaram o projeto “Pontes para o Futuro” na região metropolitana de Salvador (BA). Com idades entre 17 e 24 anos, os participantes terão acesso à capacitação profissional, de empreendedorismo e módulos de habilidades para a vida, bem como, suporte para inserção no mercado de trabalho. Os cursos, oferecidos em parceria com Colégio Salesiano Salvador – Nazaré, a princípio serão de recepcionista e auxiliar administrativo. O projeto pretende promover, até 2018, a formação profissional e o empoderamento econômico de 1200 jovens em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

Em média, os cursos terão duração de cinco  meses, com conclusão da primeira turma em janeiro de 2016. Iniciam com módulo de habilidades para a vida e, posteriormente, cursos de qualificação profissional básica, contando ainda com atividades de Mentoring e Coaching. Ao todo, serão formadas 40 turmas ao longo desses três anos. Financiado pela União Européia (UE), o projeto contará com a colaboração de uma Aliança Empresarial de Soluções Inovadoras, que será composta por empresas nacionais, regionais e locais, além dos institutos de formação e órgãos governamentais.

Os interessados em participar de novas turmas devem entrar em contato com o serviço social do Colégio Salesiano em Nazaré através do telefone (71) 3243-2955.

COMO FUNCIONA

Primeiramente, é realizado um estudo de mercado através da análise de dados oficiais, pesquisa com diversos setores e entrevistas com empresários e associações de classe para entender as demandas de qualificação para composição de seus quadros, após este processo o projeto verifica com o próprio jovem quais são as áreas de qualificação profissional que ele mais se identifica e, consequentemente, qual atuação no mercado de trabalho que pretende seguir. Os cursos disponibilizados contam com a parceria de entidades de qualificação profissional, como SENAI, SENAC e SEBRAE.

São oferecidos cursos de habilidades para a vida, com duração de 80 horas, que visam o autoconhecimento dos jovens e informações sobre educação financeira, elaboração de currículos, questões trabalhistas e sociais como gênero, racismo e estereótipos da sociedade. Já os cursos de qualificação profissional básica, com duração entre 160 e 200 horas.

Entre os presentes para o lançamento estiveram a representante da União Européia (UE) e gestora do projeto, Denise Verdade; Anette Trompeter, diretora nacional da Plan International Brasil; Helena Oliveira, chefe do UNICEF na Bahia e Célia Sacramento, vice-prefeita de Salvador. Contará ainda com a presença dos jovens das turmas piloto dos cursos de recepcionista e auxiliar administrativo e será aberto ao público.

“Além da capacitação profissional, que visa conhecimento e a entrada no mercado de trabalho, a iniciativa contribui para a formação da autoestima e do crescimento pessoal desses jovens. O jovem bem preparado significa melhor qualidade de vida para ele e sua família, além de desenvolvimento para a região”, afirma Sara Gomes, gerente do projeto Pontes para o Futuro.